TCU determina ações e prazos para que Petros, Petrobras e Previc apresentem resultados de investigações e quantifiquem prejuízos

Número do Acórdão ACÓRDÃO 595/2018 – PLENÁRIO Relator JOSÉ MÚCIO MONTEIRO Processo 016.257/2017-0 Tipo de processo RELATÓRIO DE LEVANTAMENTO (RL) Data da sessão 21/03/2018 Número da ata 9/2018 Interessado / Responsável / Recorrente 3. Interessado: Tribunal de Contas da União Entidade Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), Banco do Brasil S.A., Caixa Econômica Federal e …

Leia maisTCU determina ações e prazos para que Petros, Petrobras e Previc apresentem resultados de investigações e quantifiquem prejuízos

EXCLUSIVO – Riscos relacionados ao desempenho dos investimentos da Petros

Conclusão Petros De acordo com os dados acima expostos, há riscos relevantes em dezenas de investimentos realizados pela Petros: perdas com FIPs fora dos padrões de perdas verificadas no mercado; compra de ações em valores que chegam a até 400% superior ao valor de mercado (cotação em bolsa); performance consideravelmente inferior à meta do fundo …

Leia maisEXCLUSIVO – Riscos relacionados ao desempenho dos investimentos da Petros

Greenfield mira em 50 grupos e perdas de R$ 54 bi

Operação é líder no ranking de prejuízos detectados em esquemas de corrupção; investigação apura fraude em fundos de pensão e investimento Sem contar com a popularidade da Operação Lava Jato – que apura esquema de corrupção e cartel na Petrobrás –, a Operação Greenfield é, de longe, a que mais impressiona pelo volume de prejuízos, …

Leia maisGreenfield mira em 50 grupos e perdas de R$ 54 bi

Orcrim’s deixam rombo de R$ 123 bi. Metade nos fundos de pensão e 4x maior que Lava Jato

Organizações criminosas deixam rombo de R$ 123 bi Desvios. Dados da PF revelam prejuízo causado em 4 anos por grupos investigados em 2.056 operações; quase metade do valor está ligado a fraudes nos fundos de pensão Em quatro anos, a Polícia Federal deflagrou 2.056 operações contra organizações criminosas que provocaram prejuízos estimados em R$ 123 bilhões ao …

Leia maisOrcrim’s deixam rombo de R$ 123 bi. Metade nos fundos de pensão e 4x maior que Lava Jato

TCU bloqueia bens de ex-diretores e ex-membros do COMIN do Postalis

05.04.17 – 16h18 O Tribunal de Contas da União (TCU) identificou prejuízo de mais de R$ 1 bilhão no Instituto de Previdência Complementar Postalis, fundo de pensão dos funcionários dos Correios. Os ministros determinaram a indisponibilidade de bens por um ano dos ex-diretores e ex-membros do Comitê de Investimentos do Postalis. Os desvios identificados pela …

Leia maisTCU bloqueia bens de ex-diretores e ex-membros do COMIN do Postalis

PF investiga crimes contra fundos de pensão que podem chegar a R$ 50 bi

PF investiga crimes contra fundos de pensão que podem chegar a R$ 50 bi Policiais federais chegam à Superintendência da PF em Brasília com apreensões da Operação Greenfield, que investiga fraudes em fundos de pensão – André Coelho/Agência O Globo BRASÍLIA, RIO e SÃO PAULO – A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta segunda-feira …

Leia maisPF investiga crimes contra fundos de pensão que podem chegar a R$ 50 bi

PETROS ABRE SINDICÂNCIA INTERNA

O Relatório Reservado de hoje informa que a Petros teria aberto uma sindicância interna para investigar irregularidades no aporte de R$ 24 milhões na Galileo Educacional, que acabou por quebrar a Universidade Gama Filho.

RELEMBRE – Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros.

Propina de R$ 30 milhões para Renan Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros. Delator acusa o presidente do Congresso de receber quantia milionária. Os parlamentares petistas Lindbergh Farias e Luiz Sérgio teriam ficado com R$ 10 milhões cada Claudio Dantas Sequeira (claudiodantas@istoe.com.br) 19.06.15 – 14h28 …

Leia maisRELEMBRE – Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros.

O operador que quebrou a previdência dos Correios

As fraudes do empresário Fabrizio Dulcetti com ex-diretores levaram a Postalis à bancarrota. Aposentados estão tendo que tirar recursos do bolso para evitar que o fundo quebre O LÍDER Fabrizio Dulcetti comandou o esquema que deu um prejuízo de R$ 465 milhões ao Postalis O estilo de vida ostensivo dá ares de grande empresário a …

Leia maisO operador que quebrou a previdência dos Correios

Justiça torna réus 16 suspeitos por desvios nos fundos Petrobras e Postalis

Esquema foi investigado pela Operação Recomeço que apurou desvios de 90 milhões de reais nos fundos de pensão da Petrobras e dos Correios A Justiça Federal do Rio de Janeiro acolheu nesta segunda-feira a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) contra dezesseis pessoas por desvios de 90 milhões de reais dos fundos de pensão …

Leia maisJustiça torna réus 16 suspeitos por desvios nos fundos Petrobras e Postalis

Dono de Manguinhos e mais 15 viram réus por fraude contra fundos de pensão

RIO — A juíza Adriana Alves dos Santos Cruz, da 5ª Vara Criminal Federal do Rio de Janeiro, aceitou a denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF) e transformou em réus os 16 acusados de uma fraude estimada em R$ 90 milhões contra os fundos de pensão Petros, da Petrobras, e Postalis, dos Correios. Do …

Leia maisDono de Manguinhos e mais 15 viram réus por fraude contra fundos de pensão

Galileo – Suspeita de que golpe teria sido acertado com diretores da Petros e Postalis

Rio – O dono da Universidade Gama Filho (UGF), Paulo Cesar Ferreira da Gama, foi preso temporariamente na manhã desta sexta-feira pela Polícia Federal. Juntamente com outras 46 pessoas, ele é investigado pelo desvio de recursos dos fundos de pensão Petros (Petrobras) e Postalis(Correios), que causou um prejuízo superior a R$ 90 milhões aos dois institutos de …

Leia maisGalileo – Suspeita de que golpe teria sido acertado com diretores da Petros e Postalis

Galileo Educacional – Há investigação também dos dirigentes da Petros na época dos fatos

A Operação Recomeço, deflagrada hoje (24) pela Polícia Federal (PF) em parceria com o Ministério Público Federal, prendeu três pessoas suspeitas de envolvimento em desvios de recursos dos fundos de pensão Petros (da Petrobras) e Postalis (dos Correios). Os desvios podem chegar a R$ 90 milhões. Segundo a investigação, o esquema foi montado pela Galileo …

Leia maisGalileo Educacional – Há investigação também dos dirigentes da Petros na época dos fatos

RELEMBRE – Quem é Ricardo Magro que tentou hipotecar o EDISE

Desvio de R$ 100 milhões dos fundos de pensão envolve presidente do senado 19/06/2015 Propina de R$ 30 milhões para Renan Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros. Delator acusa o presidente do Congresso de receber quantia milionária. Os parlamentares petistas Lindbergh Farias e Luiz Sérgio …

Leia maisRELEMBRE – Quem é Ricardo Magro que tentou hipotecar o EDISE

Grupo Galileo – A PF CHEGOU A RICARDO MAGRO

Na Operação Recomeço, a Polícia Federal cumpre sete mandados de prisão e 12 de busca e apreensão. Determinou-se o bloqueio de bens e ativos financeiros de 46 pessoas físicas e jurídicas num total de R$ 1,35 bilhão. Entre os que serão presos, um nome merece atenção especial: Ricardo Magro. Eu (Claudio) descobri Ricardo Magro numa …

Leia maisGrupo Galileo – A PF CHEGOU A RICARDO MAGRO

Justiça bloqueia R$ 1,3 bi de 46 investigados por desvios da Petros e do Postalis

POR FAUSTO MACEDO, JULIA AFFONSO E LUCIANA NUNES LEAL, DO RIO 24/06/2016, 12h22 2 Operação Recomeço deflagrada nesta sexta, 24, apura suposta perda de recursos da ordem de R$ 90 milhões dos fundos de pensão A Justiça Federal no Rio decretou o bloqueio de R$ 1,35 bilhão de 46 investigados – pessoas físicas e jurídicas …

Leia maisJustiça bloqueia R$ 1,3 bi de 46 investigados por desvios da Petros e do Postalis

Grupo Galileo – MPF-RJ e PF realizam agora prisão de 7 pessoas

O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF-RJ) e a Polícia Federal realizaram na manhã desta sexta-feira (24) a Operação Recomeço. O objetivo é apurar o possível desvio de recursos dos fundos de pensão Petros, da Petrobrás, e Postalis, dos Correios, na aquisição de títulos mobiliários do Grupo Galileo. A prisão de sete pessoas …

Leia maisGrupo Galileo – MPF-RJ e PF realizam agora prisão de 7 pessoas

CASO DE POLÍCIA – Auditoria aponta erros da Petros que levaram a perdas bilionárias

  Auditoria realizada pela consultoria Ernst & Young (EY) detectou uma série de falhas na análise de investimentos feitos pela Petros, fundo de pensão dos funcionários da Petrobras, que provocaram prejuízos aos aposentados da estatal. Sob forte ingerência política nos últimos anos, a Petros deve registrar em seu balanço de 2015 deficit de cerca de …

Leia maisCASO DE POLÍCIA – Auditoria aponta erros da Petros que levaram a perdas bilionárias

TJ-RJ decreta falência do Grupo Galileo, que administrava faculdades

A Justiça do Rio decretou a falência do do Grupo Galileo, que administrava as instituições de ensino superior Centro Universitário da Cidade (UniverCidade) e Universidade Gama Filho. Em janeiro de 2014, o Ministério da Educação (MEC) descredenciou as duas universidades que eram mantidas pela Galileo Educacional. Na decisão, tomada na sexta-feira (6) o juiz Fernando …

Leia maisTJ-RJ decreta falência do Grupo Galileo, que administrava faculdades

RELEMBRE – GALILEO faliu e fundos de pensão PETROS e POSTALIS foram lesados em R$ 100 milhões

Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros. Delator acusa o presidente do Congresso de receber R$ 30 milhões. Os parlamentares petistas Lindbergh Farias e Luiz Sérgio teriam ficado com R$ 10 milhões cada. Junho 2015 e Janeiro 2016 Um golpe perpetrado recentemente contra os fundos de …

Leia maisRELEMBRE – GALILEO faliu e fundos de pensão PETROS e POSTALIS foram lesados em R$ 100 milhões

RELATÓRIO FINAL CPI DOS FUNDOS DE PENSÃO PARA APROVAÇÃO

http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra;jsessionid=D323150439D9D6ED9B891E53C08E5ADC.proposicoesWeb1?codteor=1449924&filename=Tramitacao-REL+1/2016+CPIFUNDO+%3D%3E+RCP+15/2015 Tramitacao-REL 1_2016 CPIFUNDO => RCP 15_2015.pdf

Amigo e ex-advogado de Cunha comandou rede de offshores pela Mossack – Galileo Educacional

Além disso, o empresário diz estar tomando providências legais contra a revista IstoÉ por publicar em 2015 uma reportagem que o liga a um rombo de R$ 80 milhões no fundo de pensão dos funcionários dos Correios, o Postalis. Segundo a revista, um conjunto de empresários teria montado um grupo chamado Galileo Educacional para assumir …

Leia maisAmigo e ex-advogado de Cunha comandou rede de offshores pela Mossack – Galileo Educacional

PETROS já deu como perdido R$ 730 milhões

José Casado,Danielle Nogueira,Ramona Ordoñez,Bruno Rosa – O Globo RIO — O verão de 2008 é inesquecível para Pedro Célio Arantes. Depois de três décadas nos Correios começou vida nova em Brasília, com a renda poupada em 27 anos de investimentos no fundo de pensão estatal Postalis. Como outros 212 mil sócios da fundação, não poderia …

Leia maisPETROS já deu como perdido R$ 730 milhões

Investimento “lixo” da PETROS – Relembre Galileo Educacional

Propina de R$ 30 milhões para Renan Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros. Delator acusa o presidente do Congresso de receber quantia milionária. Os parlamentares petistas Lindbergh Farias e Luiz Sérgio teriam ficado com R$ 10 milhões cada Claudio Dantas Sequeira (claudiodantas@istoe.com.br) Um golpe perpetrado …

Leia maisInvestimento “lixo” da PETROS – Relembre Galileo Educacional

Lobista ligado a Renan é suspeito de agir em fundos de pensão – Galileo Educacional

Segundo a “Folha, uma das operações atribuídas a ele e que chamou a atenção da CPI foi a emissão de debêntures pelo Galileo Educacional, que controla a Universidade Gama Filho, em 2010. O grupo emitiu R$ 100 milhões destes títulos, cujo lastro era o pagamento de mensalidade dos alunos de Medicina. O Postalis adquiriu R$ …

Leia maisLobista ligado a Renan é suspeito de agir em fundos de pensão – Galileo Educacional

Petros não encontra irregularidades em suas aplicações

07/10/2015 05:00 Por Ana Paula Ragazzi Nas investigações internas que conduziu, desde sua chegada à presidência da Petros, seis meses atrás, o presidente Henrique Jäger afirma que não encontrou irregularidades nas aplicações. “Todas as etapas exigidas para um investimento, como aprovação nos comitês, foram cumpridas. Também não houve nenhuma aplicação que, de cara, fosse possível identificar que não …

Leia maisPetros não encontra irregularidades em suas aplicações