GRU AIPORT (INVEPAR 40,8%) – REGRA CONTÁBIL É A PRINCIPAL CAUSA DA MELHORIA DOS NÚMEROS DE GUARULHOS NO 2º TRIMESTRE

O prejuízo da GRU Airport, concessionária do aeroporto de S. Paulo – Guarulhos, da qual a Invepar detém uma fatia de 40,8%, ​diminuiu​  de R$206 milhões no 1º trimestre de 2017 para R$124 milhões no 2º, totalizando R$3,051 bilhões de prejuízos acumulados desde o início da concessão. O lucro bruto contribuiu com apenas R$15 milhões …

Leia maisGRU AIPORT (INVEPAR 40,8%) – REGRA CONTÁBIL É A PRINCIPAL CAUSA DA MELHORIA DOS NÚMEROS DE GUARULHOS NO 2º TRIMESTRE

PETROS – Relatório Anual 2016

O Relatório Anual de 2016 encontra-se disponível no site da Petros e, reproduzimos abaixo alguns trechos no que se refere ao PPSP e, ao final apresentamos todo o Relatório que pode ser visualizado ou baixado para o seu computador. Merece destaque e reconhecimento a riqueza de detalhes e a clareza, os esclarecimentos que permeiam por …

Leia maisPETROS – Relatório Anual 2016

Fundos de pensão acumulam déficit de R$ 71,7 bilhões em 2016 e a métrica com a Valia

Os fundos de pensão registraram um deficit acumulado de R$ 71,7 bilhões em 2016, conforme dados divulgados pela Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (Abrapp). Pelo menos 80 fundações tiveram resultado negativo em 205 planos de benefícios, uma queda em relação ao resultado de 2015, quando 92 fundos de pensão tiveram um rombo …

Leia maisFundos de pensão acumulam déficit de R$ 71,7 bilhões em 2016 e a métrica com a Valia

“Conta de padeiro” de candidato ao CD é corrigida pela Petros

O debate dos candidatos levantou questionamentos sobre a rentabilidade do Plano Petros 2 (PP-2) comparada com a caderneta de poupança. Para mostrar como o PP-2 tem sido competitivo – até porque seu patrimônio dobra mensalmente com a contrapartida da patrocinadora, preparamos uma comparação do rendimento do plano nos últimos anos com outros investimentos. Na comparação …

Leia mais“Conta de padeiro” de candidato ao CD é corrigida pela Petros

ATENÇÃO – Apresentação ao vivo dos resultados de 2016 inaugura nova era na PETROS – Veja o arquivo apresentado

Em evento inédito, ao vivo e aberto a perguntas dos participantes cadastrados no portal da Fundação, o presidente Walter Mendes e os diretores de Seguridade, Flávio Castro, e Administrativo e Financeiro, Henrique Trinckquel, ​apresent​aram​ ​o desempenho de seus principais planos, o PPSP e o PP2, relativo ao ano de 2016. O evento do dia 2 …

Leia maisATENÇÃO – Apresentação ao vivo dos resultados de 2016 inaugura nova era na PETROS – Veja o arquivo apresentado

Apresentação ao vivo do resultado da Petros em 2016

    Pela primeira vez, a Petros vai fazer uma apresentação em tempo real do resultado anual para seus participantes, por meio do Portal Petros. O evento será conduzido pelo presidente Walter Mendes e contará com a participação dos demais diretores da Fundação. A apresentação será exclusiva para os participantes ativos e assistidos, que deverão …

Leia maisApresentação ao vivo do resultado da Petros em 2016

Estamos virando a página de uma triste e repugnante fase da história da PETROS

Após mais de dezena de anos de gestões compromissadas com o poder político, totalmente partidarizadas, podemos afirmar: O estrago foi grande! Em 17 meses o Sr. Henrique Jäger, ex-presidente da Petros, conseguiu pela incompetência, omissão e inação elevar o déficit de 8,22 para 24,1 bilhões de Reais.  Uma calamidade! A atual gestão da Petros que …

Leia maisEstamos virando a página de uma triste e repugnante fase da história da PETROS

CD da Petros aprova resultados de 2016: Rombo de R$ 27 bilhões

Petros fecha 2016 com a melhor rentabilidade em quatro anos, mas déficit também cresce O Conselho Deliberativo da Petros aprovou nesta sexta-feira (26/5) as demonstrações contábeis da Fundação referentes a 2016, que mostram a melhor rentabilidade dos últimos quatro anos, com retorno dos investimentos de R$ 7,468 bilhões. Mesmo com rentabilidade de 11,53%, bem próxima …

Leia maisCD da Petros aprova resultados de 2016: Rombo de R$ 27 bilhões