SOS PETROS

Proposta do GT é ilegal e prejudica "ad Aeternum" os Participantes

PHOTO-2019-04-23-12-13-33
Um plano de equacionamento genérico pode lançar mão da cobrança de contribuições extraordinárias por um período limitado, do aumento das contribuições normais por prazo indefinido ou, até mesmo, da redução do valor do benefício bruto. Como, por lei, não é possível reduzir o valor do benefício bruto de um participante assistido, a introdução do deflator previsto na proposta unificada nada …
Leia mais

Versão 17 – Simulador das alternativas propostas ao atual PED com parametrizações

O SIMULADOR ATENÇÃO: Este Simulador não se aplica aos Participantes da Ativa e Pensionistas Repactuados,  Estamos disponibilizando aplicação em Excel que simula as alternativas propostas pelas entidades em comparação ao atual PED.  Só funciona no Excel com macros habilitadas A aplicação só funcionará em computador com o software da Microsoft Excel instalado. A planilha foi verificada por software anti-vírus avançado, …
Leia mais

A falta de transparência na PETROS está nos custando mais de R$ 30 bilhões

Sobre o dispositivo legal vigente CNPC 30, publicado no DOU DE 30/11/2018, quando o GT já se reunia há quase um ano, esta resolução dispõe sobre as condições e os procedimentos a serem observados pelas entidades fechadas de previdência complementar na apuração do resultado, na destinação e utilização de superávit e no equacionamento de déficit dos planos de benefícios de …
Leia mais

GT ignora a CNPC 30 e insistem em PED alternativo

Embora tenha sido publicada no DOU DE 30/11/2018, quando o GT já se reunia há quase um ano, esta resolução dispõe sobre as condições e os procedimentos a serem observados pelas entidades fechadas de previdência complementar na apuração do resultado, na destinação e utilização de superávit e no equacionamento de déficit dos planos de benefícios de caráter previdenciário que administram, …
Leia mais
facebook twitter