Ronaldo Tedesco candidato ao CD, apoiado pelo Gdpape, é advertido pela Direção da Petros por falta de ética

No recente debate entre candidatos ao Conselho da Fiscal da Petros, aos 19 minutos da gravação do bloco 1,  foi informado por um dos candidatos que, o atual presidente do Conselho Fiscal e candidato a uma vaga no Conselho Deliberativo, Ronaldo Tedesco, foi notificado pela direção da Petros por infringir o Código de Ética, por divulgar dados das Demonstrações Contábeis, que ainda não estavam aprovados pelo Conselho Deliberativo.

Falta de Ética

O Discrepantes, utilizando recursos tecnológicos automatizados, monitora a internet para rastreamento de assuntos de nosso interesse.  Quando nossos sistemas acusaram a divulgação de informações que ainda não eram oficiais e, apresentadas pelo candidato Ronaldo Tedesco em suas palestras de campanha eleitoral e disponibilizadas na internet, tomamos a precaução de salvar cópia em nossos servidores e registrar queixa junto à Comissão Eleitoral.

Em 19 de maio registrávamos:

Nós, abaixo assinados e identificados como participantes da PETROS, amparados na igualdade de informações limitadas ética e moralmente que deve prevalecer para todos os candidatos aos Conselhos da Petros, situação prevista no Artigo 16 do Regulamento Eleitoral 2017, vimos solicitar a impugnação da candidatura da chapa 43, da dupla Ronaldo Tedesco e Marcos André, candidatos, em 2017, ao Conselho Deliberativo da Petros, cujo titular, Ronaldo Tedesco, vem se utilizando em palestras, de material confidencial, ainda não aprovado pelo Conselho Deliberativo da PETROS, e tarjado como “Cópia Controlada – Informações para o Conselho Fiscal”, tratando de assuntos sensíveis aos investimentos da Petros, utilizando de falsa argumentação, considerando que fica sub-repticiamente embutida a propaganda a que os demais candidatos não tem qualquer tipo de acesso.

Como prova anexamos links que estão disponíveis na internet, para notícias, vídeos e arquivos,  demonstrando o acima denunciado.

https://www.youtube.com/watch?v=c0CNeu7kuYg&feature=youtu.be

http://www.aepet.org.br/noticias/pagina/14477/Tedesco-fala-sobre-situao-da-Petros

http://www.aepet.org.br/noticias/pagina/14423/Palestra-sobre-a-situao-da-Petros-tera-no-Clube-de-Engenharia

http://www.sindipetrolp.org.br/arquivo/editor/file/Palestra%20sobre%20a%20Petros%20Maio%202017%20%281%29.pdf

http://conselhopetros.blogspot.com.br/2017/05/palestra-sobre-situacao-da-petros-maio.html

Assim, solicitamos seja impugnada a candidatura da chapa 43, da dupla Ronaldo Tedesco e Marcos André, candidatos, em 2017, ao Conselho Deliberativo da Petros.

 

Abdo Gavinho (matrícula 0280109)

 Sérgio Salgado (matrícula 519531)


No dia 29 de maio recebemos a resposta do Comissão eleitoral:

Prezados Senhores,

A Comissão Eleitoral reuniu-se hoje (29/05/2017), às 10 horas, e decidiu pelo indeferimento do pedido de impugnação.

Atenciosamente,

Comissão Eleitoral


Deixo uma pergunta:

É esse que você quer para te representar na Petros? Uma pessoa que não tem escrúpulos para atingir seus objetivos? O que ele fará, se for eleito, com o seu patrimônio? Será ético?

Print Friendly, PDF & Email