Eleições PETROS 2017 – Informações

Chegou a hora de escolher os representantes dos participantes ativos nos conselhos Deliberativo e Fiscal

Período de votação: 12 a 26 de junho

Participe, seu voto é muito importante!

Eleições 2017

De 12 a 26 de junho

Petros terá novos representantes nos conselhos Deliberativo e Fiscal

Duas duplas de titular e suplente, uma para o Conselho Deliberativo e outra para o Conselho Fiscal, serão escolhidas entre os dias 12 e 26 de junho para um mandato de quatro anos. Os novos representantes serão eleitos para as vagas dos participantes ativos. A disputa conta com seis chapas para o Conselho Deliberativo e três para o Conselho Fiscal.

Todos os participantes ativos e assistidos da Petros poderão votar pela internet, através do Portal Petros (www.petros.com.br), ou por telefone (0800 602 7550). O participante só poderá votar em uma chapa para cada órgão, independentemente do número de planos em que esteja inscrito. Assim que o voto for confirmado, o sistema informatizado impedirá uma segunda tentativa.

Para garantir a transparência e lisura, todo o processo eleitoral é acompanhado e certificado por empresa especializada em segurança da informação. Além disso, o processo é conduzido pela Comissão Eleitoral, composta por oito membros — quatro indicados por sindicatos e/ou associações e outros quatro da Petros.

A apuração dos votos começará às 17h30, meia hora após o encerramento da votação e será acompanhada por fiscais indicados pelos candidatos. O resultado deve ser divulgado uma hora depois que a votação for encerrada, no dia 26 de junho.

Previc exige profissionalização

A novidade este ano é a necessidade de cumprimento de uma série de requisitos estabelecidos pela Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) para que os conselheiros eleitos sejam habilitados e certificados no cargo. As exigências têm o objetivo de garantir a profissionalização da função.

Além de ser participante ativo, ter mais de 21 anos e contribuir há pelo menos dois anos seguidos para algum plano de benefício administrado pela Petros, cada candidato deve atender às seguintes exigências para se adequar à determinação da Previc:

  • Ter experiência profissional comprovada de, no mínimo, três anos no exercício de atividades nas áreas financeira, administrativa, contábil, jurídica, de fiscalização ou de auditoria;
  • Não ter sofrido condenação criminal transitada em julgado;
  • Não haver sofrido pena administrativa por infração da legislação à seguridade social, inclusive da previdência complementar ou como servidor público;
  • Não ter sofrido penalidade por infração ao Código de Conduta e Ética da Petros;
  • Ter reputação ilibada;
  • Ter ciência de que, se eleito, deverá ser certificado conforme as instruções da Previc vigentes à época.

Desde 30 de março, as regras da disputa e o edital de convocação estão disponíveis no Portal Petros.

Como Votar

Todos os participantes ativos e assistidos da Petros podem votar através do Portal Petros ou por telefone. A eleição começa às 9h de 12 de junho e termina às 17h do dia 26 do mesmo mês.

PELA INTERNET: Basta acessar o Portal Petros (www.petros.com.br), tendo em mãos a matrícula Petros e a senha utilizada normalmente para acesso à Área do Participante.

POR TELEFONE: O eleitor deverá ligar para 0800 602 7550 e utilizar a senha enviada pelos Correios exclusivamente para a votação. A senha é individual, personalizada e secreta, e permitirá ao eleitor acessar o sistema para registrar o voto apenas uma vez.

Conselho Deliberativo

O Conselho Deliberativo (CD) é o órgão máximo da Petros, responsável pela definição da política geral de administração da Fundação e de seus planos. É formado por seis membros titulares e seus suplentes, sendo uma metade indicada pelas patrocinadoras e a outra escolhida pelos participantes em eleição direta.

O CD delibera sobre alteração do estatuto e do regulamento dos planos de benefícios; plano estratégico e programas anuais e plurianuais; gestão de investimentos e aplicação de recursos; nomeação e exoneração de membros da Diretoria Executiva; aprovação das demonstrações contábeis; cargos e salários, entre outros.

Conselho Fiscal

O Conselho Fiscal (CF) é o órgão de controle interno da Petros, que tem como atribuição se manifestar sobre todos os atos administrativos e operacionais da Fundação. É responsável, por exemplo, por examinar e emitir pareceres sobre as demonstrações contábeis, bem como requisitar à Diretoria Executiva a realização de inspeções e auditorias.

O CF é constituído por quatro titulares e seus respectivos suplentes — dois indicados pelas patrocinadoras e dois eleitos pelos participantes e assistidos, por meio do voto direto. Dos dois eleitos, um deve ser escolhido entre os ativos e o outro, entre os aposentados e pensionistas.

ACOMPANHE O PROCESSO ELEITORAL
Confira as informações em www.petros.com.br

Print Friendly, PDF & Email