Falências de petroleiras dos EUA diminuem em junho com retomada nos preços

SÃO PAULO – O mês de junho registrou menos falências de companhias de energia dos Estados Unidos do que em qualquer outro mês este ano, com apenas quatro pedidos de falência em meio a uma retomada de crescimento nos preços do petróleo, mostraram dados compilados pelo advogados de falência Haynes & Boone LLP.

Em maio, foram doze pedidos de falência de petroleiras dos EUA, enquanto em abril foram onze, mostraram os dados da Haynes e Boones.

“Junho trouxe menos atividade do que abril e maio, tanto em termos de pedidos de falência de companhias de E&P quanto em dívida acumulada”, disse a empresa em seu site, referindo-se a falências que envolvem companhias de exploração e produção de petróleo.

As empresas que decretaram falência em junho foram a Warren Resources, Tauren Exploration, Maxus Energy Corp e Triangle USA Petroleum Corp.

A dívida acumulada destas empresas ficou em cerca de 1,5 bilhão de dólares, ante 14,7 bilhões de dólares dos pedidos de abril e 25,6 bilhões de dólares dos pedidos de maio.

Os preços do petróleo dos EUA têm fechado perto ou acima de 45 dólares por barril desde o fim de abril, tocando altas de 2016 de quase 52 dólares por barril no último mês. Isso é quase o dobro dos quase 26 dólares por barril atingidos em fevereiro, a mínima de doze anos.

(Por Barani Krishnan)

http://www.financista.com.br/noticias/falencias-de-petroleiras-dos-eua-diminuem-em-junho-com-retomada-nos-precos

Print Friendly, PDF & Email