ATENÇÃO – O esquema de Chambinho na Petros e a Coordenadora de investimentos da Petros

​Alexandre Romano, o Chambinho, foi apontado pela Lava Jato como controlador da empresa VIS Investimentos (antiga Nexpar), especializada em estruturar negócios no setor de energia e imóveis com recursos dos fundos de pensão.

Uma das principais executivas da VIS Investimentos foi Thaís Gaudino Brescia, que tem em seu currículo passagem por BVA e Banco Espírito Santo. Brescia é hoje coordenadora de investimentos da Petros, o fundo de pensão dos servidores da Petrobras.

Ela também preside o Conselho Fiscal da Sete Brasil, indicada pela Petros.

http://www.oantagonista.com/posts/fundos-de-pensao-na-delacao-de-chambinho

Como noticiamos mais cedo, Alexandre Romano foi transferido para regime de prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica. Segundo informações preliminares obtidas pelo Antagonista, o benefício está relacionado à assinatura de sua delação premiada.

Romano, vulgo Chambinho, é o primeiro petista a fechar o acordo. A delação foi conduzida pela PGR após Chambinho revelar detalhes do esquema de corrupção que envolve Gleisi Hoffmann e seu marido Paulo Bernardo.

http://www.oantagonista.com/posts/a-delacao-de-chambinho

Print Friendly, PDF & Email