Petrobras Africa – BTG Pactual

A delação de Hamylton Padilha prosseguirá com outros temas. Ele ainda precisará esclarecer aos procuradores o que fez, exatamente, para ajudar o BTG Pactual na compra de ativos da Petrobras na África – o banco virou sócio da estatal. Foi o maior negócio feito pela Petrobras na gestão da ex-presidente Graça Foster: US$ 1,5 bilhão. A negociação, antecipada por ÉPOCA em março de 2013 (O feirão da Petrobras), foi polêmica. Especialistas no setor de petróleo, além de funcionários da cúpula da estatal, afirmam que o BTG pagou pouco para participar como sócio da extração das preciosas reservas da Petrobras no continente, especialmente na Nigéria.

Print Friendly, PDF & Email