logo-cab2
S.O.S. PETROS
Aposentados, Pensionistas e Ativos
"A luz do sol é o melhor desinfetante.” juiz Louis Brandeis
Não há melhor remédio para combater a corrupção do que a transparência.
Todavia, a melhor vacina para prevenir a corrupção ainda é o controle e a participação.

Gestora Aberdeen apoia destituição de conselho da BRF

SÃO PAULO - A gestora de recursos britânica Aberdeen, uma das maiores acionistas da BRF está alinhada aos fundos de pensão para destituir o conselho de administração da companhia. Em conversa com o Valor, de Londres, Peter Taylor, diretor e chefe de renda variável da Aberdeen no Brasil, disse acreditar que a demanda terá grande apoio dos investidores na assembleia …

Nildemar estava certo: as lições do colapso da BRF

O resultado da BRF publicado na quinta-feira inicia o epílogo da complexa, atribulada e voluntariosa trajetória da Tarpon à frente da BRF, a companhia dona de marcas icônicas que a gestora de investimentos pretendeu reinventar — colhendo, em vez disso, uma das maiores destruições de valor da história corporativa brasileira. Quando a Páscoa chegar, é muito provável que nem a …

Previ e Petros pedem destituição de todos os membros do Conselho da BRF

O alvo dos fundos de pensão é o empresário Abilio Diniz, que preside o colegiado. Empresa teve prejuízo de R$ 1,1 bilhão em 2017.Ronaldo D’Ercole25/02/18 - 15h29 SÃO PAULO. Em fato relevante divulgado em seu site neste domingo, o diretor vice-presidente de Finanças e Relações com Investidores da BRF, Lorival Luz Júnior, informa aos acionistas ter recebido ontem correspondência ao …

“Vou deixar de ser o protagonista que fui” na BRF, diz Abilio

São Paulo - Antes de vir à tona a informação de que Petros e Previ querem destituir o conselho de administração da BRF, o empresário Abilio Diniz, que o preside, sinalizou que deixará os holofotes na empresa. “Vou deixar de ser o protagonista que fui nesses últimos 18 meses”, afirmou, em longa introdução em teleconferência com analistas para comentar os …

Acordo de leniência da J&F será revisto

Representantes do grupo J&F, dono da JBS, se reúnem pela primeira vez na próxima terça-feira, 27, com procuradores da força-tarefa Greenfield para negociar uma repactuação do acordo de leniência, informa o Estadão. Uma fonte com acesso às tratativas disse ao jornal que, por conta das omissões da empresa no primeiro acordo, o valor de R$ 10,3 bilhões será aumentado e …
Caro(a) reader

Colabore para manter nossas operações:
logo-eco
Informações Econômicas – Assinatura R$100,00 anual
logo-jur
Informações Jurídicas – Assinatura R$100,00 anual
facebook twitter linkedin