FNP apresenta proposta alternativa aprovada pelo Conselho Deliberativo da FUP

Foi realizado no dia 7 de agosto de 2018, na ABI – RJ, o Fórum em Defesa dos Participantes da Petros – Uma saída para o PPSP, aonde teve a apresentação de Ronaldo Tedesco, da FNP e, eleito pelos participantes para representá-los no Conselho Deliberativo da Petros, com as seguintes abordagens:

  • Considerações Preliminares

  • Situação do Plano

  • Proposta da Petrobrás

  • Plano Estratégico

ATENÇÃO: A Proposta Alternativa que foi apresentada pela FNP é a proposta aprovada pelo Conselho Deliberativo da FUP.

Foi apresentado as alterações regulamentares que, se implementadas, poderão equacionar o déficit dos planos PPSP-R e PPSP-NR e contribuir para que não ocorram novos déficits futuros.  São elas:

  1. Aumento de 30% nos percentuais das contribuições normais;

  2. Introdução de contribuição normal para as pensionistas com as mesmas tabelas utilizadas para ativos e aposentados;

  3. Reajuste anual dos benefícios nos primeiros 5 anos pelo IPCA deduzido de 2,5%;

  4. Revisão do benefício futuro ( provisão para benéficos a conceder) com base em reajustes anuais do benefício a conceder nos primeiros 5 anos com base no IPCA deduzido de 2,5%;

  5. Introdução de contribuição adicional de 20%, sobre o valor do Pecúlio por Morte;

  6. Introdução de contribuição adicional provisória, com percentual de 50%, a ser aplicada sobre o valor do abono anual líquido da contribuição normal durante os 10 primeiros anos após a aprovação desta proposta.

Por último, foi lembrado que em função do estudo da Deloitte sobre o TCF dos Pré-70, a Petros deve recalcular os resultados dos planos à luz do novo valor do TCF Pré-70 apurado pela metodologia da Deloitte.  A alteração acarretará em uma redução de R$ 1,5 bilhão no déficit do PPSP, a ser refletido nos Planos PPSP-R e PPSP-NR na proporção das provisões matemáticas do Grupo Pré- 70 que cabe a cada plano cindido, sendo 60,08% para o PPSP-R e 39,92% para o PPSP-NR.

Apresentamos abaixo gráfico resumo com o posicionamento de entidades sobre os diversos aspectos envolvidos, para acompanhar alternativas ao PED. Caso a entidade desejar corrigir/alterar interpretação favor enviar e-mail com subsídios para: contato@discrepantes.com.br

 

Print Friendly, PDF & Email