O Barulho dos Indecentes

Edson Almeida

 

Em relação ao “ato” em defesa da Petrobrás proposto pela CUT/FUP para o dia 13/03/2015 é impossível não fazer um trocadilho com o famoso filme “O Silêncio dos Inocentes”, estrelado por  Anthony Hopkins, o que falamos a seguir:

Não poderemos jamais esquecer que da nossa CUT saíram figuras proeminentes e que estão presentes nessa questão doPETROLÃO como o João Vacari Neto, tesoureiro do PT, assim como o Delúbio Soares umbilicalmente ligado ao MENSALÃO.

Em relação à Petrobrás, nesses 12 anos a CUT/FUP pintou para a categoria um céu de brigadeiro para as ações do governo e os boletins se transformaram em panfletos de propaganda governista enquanto esses dirigentes e ex-dirigentes sindicais ocupavam com toda a voracidade os cargos na estrutura da PETROBRÁS e PETROS.

RETIRADAS DE DIREITOS – A Categoria petroleira foi fria e calculistamente  DIVIDIDA entre ativos e aposentados que com a benção dos neo-sindicalistas-governistas aplicaram a REPACTUAÇÃO, AOR e o PCAC-2007 que em conjunto diferenciaram  o reajuste de salário e aposentadorias  com imensos prejuízos e que gerararam até hoje milhões de ações na Justiça, outra coisa terrível da RMNRfoi diferenciar também o salário por região o que além de ilegal é inconstitucional.

Agravou-se a aplicação da REMUNERAÇÃO VARIÁVEL com a RMNR e abonos, gratificações contingentes e tudo que sempre condenamos enquanto não tinhamos chegado ao poder.

PETROS NA LAVA-JATO: A PETROS que durante os 12 anos se tornou uma agência de empregos e um FEUDO  para abrigar membros da Corrente do PT/FUP, ARTICULAÇÃO ou CNB,  Já está na operação lava-jato e segundo a Senadora Ana Amélia com um déficit inicial de 9 BILHÕES o que certamente terá graves impactos para a família petroleira já que estamos a dois anos consecutivos com resultados pífios e ao chegar ao terceiro, o que é provável pode ocorrer aumento de mensalidade e/ou redução de benefícios. .

PROPINA OU REPRESAMENTO DE PREÇOS? – Segundo as delações dos ex-diretores indicados pelo governo a propina era de no máximo 3%, o que convenhamos que mesmo sendo IMORAL, ILEGAL e ENGORDAR os bolsos e campanhas da base aliada do governo, 3% apenas não quebraria a Petrobrás, mas sim (E OS GOVERNISTAS CONVENIENTEMENTE NÃO FALAM!) o acintoso represamento de preços dos Combustíveis pelo  governo para manter inflação e juros mais baixos grantindo assim a continuidade daREELEIÇÃO e a manutenção dos cargos e de todo o projeto de poder.  

ONDE SE DEU A CORRUPÇÃO NÃO SOFREU ATÉ AGORA NENHUMA AÇÃO:

Por tudo que se divulgou até agora a corrupção se dá basicamente por três motivos:

1- Dificultação do TCU e demais órgãos fiscalizar e aplicar a legislação sobre os contratos.

2- Alta concentração de poder num minúsculo grupo que controla as famigeradas “CARTAS-CONVITES” das licitações.

3- Falta de clareza e transparência na Formação do Preço Básico da Petrobrás.

Não alterar essas questões se resume ao chavão: “mudar tudo para ficar como está”

É Necessário que as representações sindicais e políticas se enxerguem como PARTE DO PROBLEMA e lutem para resgatar a suaINDEPENDÊNCIA E AUTONOMIA dos patrões e governo e façam uma reflexão e mea-culpa e não dá para desconsiderar o conjunto de toda a crise na Petrobrás e os reflexos na classe trabalhadora direta e terceirizada.

Quem melhor pode defender a Petrobrás e a categoria petroleira, desde que não seja submetida a um processo de desinformação do que estava acontecendo de grave na empresa, ocultada tanto pela gestão como pelo movimento sindical que nesses 12 anos fez parte dessa gestão.

Agora se fazer de vítima e perplexo em nada ajuda a conscientização da categoria e da sociedade, foi no RH e na PETROS controladas com mão de ferro pelo movimento sindical da FUP que operaram as maiores retiradas de direitos da categoria petroleira.

  

O QUE DEFENDEMOS:

PETROBRÁS 100% ESTATAL!

– Revogação da lei do monopólio estatal quebrado por FHC e também do marco regulatório de LULA que propiciou os leilões e a venda do Campo de  Libra!

PS – A discussão entre CONCESSÃO X PARTILHA é para tirar o foco de que um sistema ou outro entregam um pouco  mais ou menos a nossa riqueza para os gringos.

– O Petróleo para os brasileiros, TUDO NOSSO, NADA DELES! para os norte-americamos, chineses. europeus  ou russos.

– Fim da politica de terceirização e aumento dos concursos na Petrobrás, que o governo crie um Pool de empresas prestadoras de serviços com fiscalização dos orgãos públicos.

– Que o governo via BNDES aporte o que for necessário para que não haja crise e desinvestimentos na Petrobrás.

– Criação da Diretoria de SMS envolvendo todas as atividades da PETROBRÁS.

– Que a PETROBRÁS faculte a conversáo da nossa PLR em ações ordinárias para que os petroleiros (as) possam ajudar a recuperação da empresa.

Portanto, não atuar na raiz dos problemas é fazer mais um ato bisonho como já o foram o abraço de Lula ao Edise e a reunião na ABI e tantos outros que em nada muda a consciência da classe trabalhadora, principalmente considerando que muitos desses representantes são parte do problema!

O Capital internacional e a sua mídia estão em qualquer lugar do mundo aguardando a oportunidade de se beneficiar do petróleo, portanto reerguer a Petrobrás e ESTATIZÁ-LA de Verdade deve ser a maior obra desse governo, da sociedade e da categoria petroleira.

Sds,

NCP e oposições pelo Brasil.

 

Print Friendly, PDF & Email