ATENÇÃO – Petros teve prejuízos de R$ 9 bilhões por aplicações inadequadas, alerta Ana Amélia

Aplicações inadequadas levaram o Petros, fundo de pensão de funcionários da Petrobras, a ter prejuízos de R$ 9 bilhões, disse nesta sexta-feira (6), em Plenário, a senadora Ana Amélia (PP-RS), baseada em estimativas de integrantes do fundo. Ela defendeu medidas de proteção aos direitos dos trabalhadores da Petrobras e observou que o Petros está sob investigação por conta de denúncias da Operação Lava-Jato, com suspeitas de desvios de recursos e de investimentos fraudulentos.

— São mais de 80 mil servidores que colocam sua poupança nesse fundo, para ter assegurada, no futuro, uma aposentadoria digna, depois de tanto tempo de dedicação à empresa — afirmou.

Ana Amélia disse ser essencial que o Petros e todos os outros fundos de pensão do país tenham uma gestão transparente e segura. Ela citou projetos de sua autoria (PLS 379/2014 e PLS 380/2014) que conferem maior segurança à gestão desses fundos.

— A previdência complementar é um importante setor social e econômico, que exige boa governança, principalmente em momentos de incerteza, pois faz a gestão da poupança da vida do empregado e é fundamental que preserve seus direitos e seu capital — opinou.

A senadora disse esperar que os escândalos na Petrobras deixem como lição uma nova governança e defendeu a continuidade dos contratos firmados pela estatal, como os que envolvem empresas do polo naval do Rio Grande do Sul.

Ao final de seu pronunciamento, Ana Amélia saudou a passagem do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março. Ela destacou avanços da participação feminina em diversas profissões, mas lamentou a pouca presença de mulheres nas cadeiras do Parlamento.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

http://www12.senado.gov.br/noticias/materias/2015/03/06/petros-teve-prejuizos-de-r-9-bilhoes-por-aplicacoes-inadequadas-alerta-ana-amelia

Print Friendly, PDF & Email